Espetáculo “Bob Esponja – O Musical” estreia em São Paulo


Créditos: Divulgação


O espetáculo “Bob Esponja – O Musical” vai dar um ânimo extra ao final das férias de meio de ano em São Paulo: no dia 28 a atração, baseada na animação original da Nickelodeon, estreia na capital paulista. A temporada será no Teatro Sérgio Cardoso, com ingressos à venda na bilheteria e no site Sympla. A BB Seguros é patrocinadora e, após o sucesso registrado no Rio de Janeiro, contribui para que mais uma cidade receba a trupe.

O musical conta a história dos habitantes da Fenda do Biquíni, que precisam unir forças para superar a ameaça de um vulcão. Com a mensagem de que a união e os sentimentos verdadeiros podem salvar o mundo, o espetáculo conquistou a crítica e o público na Broadway (Nova York), em 2017.

“A temporada do musical no Rio de Janeiro foi um sucesso de crítica e público. Estamos muito felizes por levar o espetáculo para mais uma cidade”, afirma Marcelo Lourenço, Diretor Comercial e Marketing da BB Seguros. “A BB Seguros é mais do que uma patrocinadora, por meio dos projetos socioculturais, procuramos atuar como agente de desenvolvimento humano, contribuindo para o bem-estar das gerações atuais e futuras, para a promoção da igualdade social e do fortalecimento do conceito de cidadania”, complementa o executivo.

Com direção artística de Gustavo Barchilon e direção geral de Renata Borges, “Bob Esponja – O Musical” terá uma montagem original no Brasil, com base na versão da Broadway, mas com total liberdade criativa. A cenografia, assinada por Natália Lana, é um dos elementos-chave da montagem, com o desafio de transformar o palco na Fenda do Biquíni, local onde vivem Bob Esponja e sua turma. A concepção conta com uma boca de cena e cortina de boca feitas em material furta-cor, formando um grande elemento escultórico.

São 10 cenografias de grandes proporções, totalizando mais de 2.500m2, que pesam mais de 4 toneladas. Serão usadas mais de 7.000 bolinhas de piscina, 250m2 de plotagem em tecido, 450m de plástico holográfico e 1,5km de tubos de ferro. Também serão reaproveitados mais de 100m2 de embalagens plásticas que iriam para o lixo.

A música será executada ao vivo, com uma orquestra composta por 10 integrantes e direção musical de Laura Visconti. O repertório passeia por diferentes gêneros – pop, rock, country, gospel – com arranjos que respeitam as partituras originais. O espetáculo conta com canções originais de nomes como David Bowie, Cindy Lauper, John Legend, Aerosmith, Panic! At the Disco, entre outros.

Totalmente selecionado por testes, o elenco traz no papel-título um dos mais importantes e premiados atores de musicais do país, Mateus Ribeiro, que interpretou o protagonista de espetáculos como ‘Peter Pan, o musical’ e ‘Chaves, um tributo musical’. Ele estará acompanhado por Davi Sá (Patrick Estrela), Analu Pimenta (Sandy), Ruben Gabira (Lula Molusco), Tauã Delmiro (Plankton), Naice (Sr. Sirigueijo), Suzana Santana (Pérola), Luísa Vianna (Karen, O Computador) e grande elenco.

Com libreto de Kyle Jarrow e direção de Tina Landau, a versão original de “Bob Esponja – O Musical” recebeu 12 indicações ao Tony Awards de 2018, incluindo Melhor Musical, Melhor Ator em Musical, Melhor Trilha Sonora Original, Melhor Direção de Musical, Melhor Coreografia, Melhor Cenário de Musical e Melhor Figurino de Musical. Além disso, o espetáculo foi vencedor em seis categorias do Drama Desk Award, incluindo Melhor Musical, Melhor Ator em Musical, Melhor Caracterização de Ator em Musical e Melhor Diretor de Musical.

Serviço – “Bob Esponja, O Musical”
Estreia: 28 de julho
Local: Teatro Sérgio Cardoso
Temporada: 28/7 a 17/9
Horários: Quintas-feiras, às 20h30; Sextas-feiras e sábados, às 15h e às 20h30; e Domingos às 16h
Duração: 2h30min (com intervalo de 15min)
Classificação etária: LIVRE

Valores:
Balcão: R$ 150,00; Meia-Entrada – R$ 75,00
Plateia lateral: R$ 180,00; Meia-Entrada – R$ 90,00
Plateia central: R$ 210,00; Meia-Entrada – R$ 105,00
Plateia VIP: R$ 280,00; Meia-Entrada – R$ 140,00
Sessão das sextas, às 15h: R$ 150,00; Meia-Entrada – R$ 75,00
Promoção aberta ao público: Na compra de 4 ingressos com o valor cheio, ganhe 30% de desconto (disponível no site e na bilheteria do Teatro Sérgio Cardoso)
Vendas: site Sympla

Tiago Barbosa celebra 10 anos de carreira


Créditos: Adasat Barroso


Ele ficou conhecido após ser escolhido para viver o leão mais famoso da Disney na primeira montagem brasileira de “O Rei Leão” e desde então vem conquistando títulos e coroas importantes dentro e fora do país. De São João de Meriti, o ator e cantor Tiago Barbosa se dividia entre dar aulas na ONG Nós do Morro e disputar o reality musical “Ídolos”, na Record TV, quando se viu diante da diretora americana Julie Taymor, que, ao se deparar com o talento do artista, ainda durante as audições, se emocionou definindo-o como ‘ – o melhor Simba do mundo’.

Celebrando 10 anos de carreira, Barbosa viu sua vida mudar diante de seus olhos através do universo do teatro musical, que lhe sagrou Melhor Ator Revelação no Prêmio Bibi Ferreira, em 2013, e o levou a escrever novos capítulos de sua história com a ajuda de outros personagens, como o capanga TJ em “Mudança de Hábito” e o Príncipe Topher em “Cinderella – O Musical” – destacando-se como o primeiro principe negro entre todas as produções já realizadas no mundo, e onde dava vida também ao Lord Pinklenton.

Após três anos de sua estreia como filho de Mufasa, o ator foi convidado pela Disney para retornar à companhia, porém na Europa, para onde se mudou sem hesitar, reassumindo a coroa, em versão espanhola, por mais cinco anos, e de onde só se despediu após aceitar com um desafio ainda maior do que se adaptar às tantas novidades em outro país, com outra cultura: fazer tudo isso, porém sobre um salto 15 na pele de Lola, protagonista do musical “Kinky Boots”.

Entre perucas, saltos e paetês o ator subiu ao palco como a famosa drag queen durante duas temporadas em Madri, com ela conquistou importantes indicações a prêmios espanhóis, dividindo a categoria de Melhor Ator com Antonio Banderas, e se tornando uma referência como artista brasileiro na Europa – o que lhe rendeu o recente convite do Rei da Espanha, Filipe VI, para um almoço no palácio, na presença de outras personalidades como o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Embora criando bons vínculos com o país que lhe acolheu durante quase oito anos, Tiago sentiu que, pós pandemia, era tempo de voltar para casa e fazer algo novo no Brasil, aceitando assim, em 2022, o convite do diretor Dennis Carvalho para estrelar um projeto especial, interpretando um de seus ídolos, Milton Nascimento, no musical que homenageou seus 80 anos de carreira e as cinco décadas de sucesso do movimento Clube da Esquina, no biográfico “Clube da Esquina – Os Sonhos Não Envelhecem”.

Conquistando plateias de todas as idades e arrancando suspiros de personalidades como Fernanda Montenegro, Caetano Veloso, Tony Ramos e do próprio Bituca, foi na pele do icônico cantor e compositor que ele se reconectou com as antigas raízes e optou por estender sua estadia, dividida entre São Paulo e Rio de Janeiro, e aceitando então convites para viver novas experiências, como desfilar para o estilista João Pimenta no SPFW e viver seu próximo protagonista, este em dose dupla, em “Iron – O Homem da Máscara de Ferro”, que chega ao 033 Rooftop do Teatro Santander dia 04 de agosto.

“Todo ator vive em busca de novos desafios e o diretor Ulysses Cruz sempre me leva para esse lugar! Fazer gêmeos no teatro, dois personagens tão diferentes, com tantas camadas, está sendo um grande privilégio. Vocalmente falando, é super exigente a fisicalidade dessas duas personalidades – que são tão diferentes -, e acredito que isso deixará o público em êxtase, bem como toda a proposta imersiva desse musical inédito e original. Se preparem, IRON: O HOMEM DA MÁSCARA DE FERRO ESTÁ CHEGANDO”, revela ele, com muita expectativa.

“Disney Princesa, o espetáculo” chega pela primeira vez à América Latina


Créditos: divulgação


Presente na América Latina pela primeira vez, “Disney Princesa, o espetáculo” chega ao Brasil como uma experiência inovadora, mágica e encantadora, com a apresentação de canções inesquecíveis de mais de 20 produções clássicas como “A Pequena Sereia”, “Moana”, “Aladdin” e “Mulan”, entre outros sucessos cinematográficos, em um show com projeções, luzes e efeitos especiais, produzido pela Aventurinha junto com a Disney.

O espetáculo, apresentado pelo Ministério da Cultura e pelo Bradesco Seguros, com patrocínio da Riachuelo, será realizado em São Paulo, no Teatro Frei Caneca, no período de 19 de agosto a 3 de setembro; no Rio de Janeiro, na Grande Sala da Cidade das Artes, de 7 a 17 de setembro; e em Goiânia, no Teatro Rio Vermelho, nos dias 29 e 30 de setembro e 1º de outubro.

Após o sucesso do “Pixar in Concert”, em 2022, a Aventurinha (vertente da Aventura para projetos infantis) continua a trazer junto com a Disney experiências únicas para o público brasileiro. “Disney Princesa, o espetáculo” apresentará ao vivo as canções icônicas das produções e, simultaneamente, exibirá cenas dos filmes em um telão, levando o público a se encantar com a magia dos contos de fadas. Por meio de uma interpretação única, com um elenco originalmente brasileiro, 6 atrizes cantoras e 2 atores cantores se inspiram nos atributos das Princesas e Príncipes para embalar e emocionar crianças e adultos de diferentes gerações. No elenco, estão presentes Aline Serra – que recentemente dublou Ariel nos cinemas no live-action de “A Pequena Sereia” -, Pamela Rossini, Jullie, Laura Castro, Helena Bastos, Lola Borges, Caio Giovani e Bruno Fraga. Além deles, a diretora musical do espetáculo, Laura Visconti, faz o papel de Maestra Madrinha, com atributos de Fada Madrinha.

Com roteiro adaptado por Pedro Henrique Lopes e direção de Diego Morais, o evento é uma celebração das 12 Princesas Disney, incluindo as duas Rainhas de Frozen e suas músicas, destacando o papel das mulheres no cenário artístico. “Estamos trabalhando bastante com um time muito talentoso para trazer um espetáculo mágico e muito bonito para o público”, adianta Diego.

Fã de Walt Disney, a diretora artística convidada da Aventura e produtora geral de “Disney Princesa, o espetáculo”, Aniela Jordan destaca o legado deixado pelo mestre que, segundo ela, sonhou, desenhou, começou e criou um mundo impressionante. “Desde pequena, meu ídolo da vida é o Walt Disney, que tem uma frase incrível ‘eu gosto do impossível porque lá a concorrência é menor’. Agradeço muito a Disney por estar com a gente e termos a oportunidade de realizar espetáculos tão lindos e de um jeito tão criterioso, onde cada detalhe é importante e tem um porquê. É um enorme prazer”, ressalta Aniela.

Para o diretor de negócios e marketing da Aventura, o empresário Luiz Calainho, a magia da Disney faz diferença no nosso dia a dia. “No ano passado, a Aventura trouxe o “Pixar in Concert” e agora estamos muito felizes com a chegada desse novo projeto com a Disney. A gente sabe que o mundo não está simples e é muito bom quando temos esses momentos de respiro, nos teatros e nos espetáculos, e podemos mergulhar nesse mundo esplendoroso e mágico que é o universo Disney”, afirma Calainho.

O figurino do espetáculo é assinado pela estilista Helô Rocha, que trará referências do universo de cada uma das princesas e príncipes nas roupas que serão usadas pelas estrelas do espetáculo. “Optei por looks modernos, inéditos, autorais e contemporâneos, valorizando as estampas e tecidos brasileiros, para que possamos colocar no palco o nosso Brasil”, explica a estilista.

Serviço sobre a venda de ingressos:

Em São Paulo:

Plataforma Uhuu: Link

No Rio de Janeiro:

Plataforma Sympla: Link

Dias e horários das sessões:

São Paulo:

Dias e horários das sessões:

19 de agosto – Sábado – Sessão 1 – 11h | Sessão 2 – 15h

20 de agosto – Domingo – Sessão 3 – 11h | Sessão 4 – 15h

21 de agosto – Segunda-feira – Sessão 5 – 19h

22 de agosto – Terça-feira – Sessão 6 – 19h

26 de agosto – Sábado – Sessão 7 – 11h | Sessão 8 – 15h

27 de agosto – Domingo – Sessão 09 – 11h | Sessão 10 – 15h

28 de agosto – Segunda-feira – Sessão 11 – 19h

29 de agosto – Terça-feira – Sessão 12 – 19h

2 de setembro – Sábado – Sessão 13 – 11h | Sessão 14 – 15h

3 de setembro – Domingo – Sessão 15 – 11h | Sessão 16 – 15h

Sessões acessíveis:

Libras – 21/08 (2ªf) às 19h e 28/08 (2ªf) às 19h

AD – 22/08 (3ªf) às 19h e 29/08 (3ªf) às 19h

Rio de Janeiro:

7 de setembro – Quinta-feira – Sessão 1 – 15h | Sessão 2 – 19h

8 de setembro – Sexta-feira – Sessão 3 – 15h | Sessão 4 – 19h

9 de setembro – Sábado – Sessão 5 – 15h | Sessão 6 – 19h

10 de setembro – Domingo – Sessão 7 – 11h | Sessão 8 – 15h | Sessão 9 – 19h

15 de setembro – Sábado – Sessão 10 – 15h | Sessão 11 – 19h

16 de setembro – Sábado – Sessão 12 – 15h | Sessão 13 – 19h

17 de setembro – Domingo – Sessão 14 – 11h | Sessão 15 – 15h | Sessão 16 – 19h

Sessões acessíveis:

Libras – 07/09 (5ªf) às 15h e 16/09 (sábado) às 11h

AD – 08/09 (6ªf) às 15h e 17/09 (domingo) às 11h

Goiânia:

Dias e horários das sessões:

29 de setembro – Sexta – Sessão 1 – 20h

30 de setembro – Sábado – Sessão 2 – 19h

1º de outubro – Domingo – Sessão 3 – 18h

Sessões acessíveis:

Libras – 29/09 (6ªf) às 20h

AD – 30/09 (sábado) às 19h

Com Giulia Nadruz e Felipe Assis Brasil, série “Coaching do Amor” traz desfechos importantes


Créditos: Divulgação


O aguardado desfecho da comédia romântica “Coaching do Amor” chegou no episódio final. Após cativar os espectadores com as aventuras hilárias da coach Bárbara Avelar e suas clientes, a trama reserva momentos emocionantes e uma surpreendente cena musical protagonizada por Mônica (Giulia Nadruz) e seu novo par romântico, interpretado por Felipe Assis Brasil, dois grandes nomes do teatro musical.

O projeto conta a história de Bárbara Avelar (Fernanda Sanches), uma coach de relacionamentos que inicia seu programa de coaching com o objetivo de ajudar suas novas clientes: Márcia (Andrea Dupré), Mônica (Giulia Nadruz), Vanessa (Biah Ramos) e Cláudia (Aline Carrocino). No entanto, a coach se depara com crises em seu próprio casamento, o que coloca em risco sua credibilidade como coach, resultando em momentos que arrancam risos e também emocionam o público.

O término da série chega agora com o episódio 8 e traz diversos finais felizes para as coachees de Bárbara, seja vivenciado de forma solitária, ao lado da pessoa amada ou até mesmo com alguém surpreendente. O novo capítulo marca o desfecho esperançoso da protagonista Bárbara e de uma de suas clientes, a romântica Mônica.

Segundo a roteirista Fernanda Sanches, que também protagoniza e dirige o projeto, o final da temporada foi inspirado na peça “Casa de Bonecas” de Ibsen, um dos grandes marcos da dramaturgia mundial, onde a protagonista Nora encontra a coragem de seguir seu próprio caminho. Para Fernanda, o final de Bárbara se relaciona muito com a história da obra. “Muitas mulheres têm dificuldades de tomar essa decisão por motivos financeiros. No caso de Bárbara, a coisa mais importante foi ela ter encontrado essa coragem de encarar a vida do ponto de vista emocional mesmo.”

Por outro lado, Mônica – interpretada por Giulia Nadruz – nos presenteia com um final mais fantasioso e que remete ao universo dos contos de fadas. Essa escolha menos realista permite que a personagem mantenha seu espírito sonhador e romântico.

A atriz Giulia Nadruz também compartilhou sua visão sobre sua personagem Mônica em “Coaching do Amor”, enfatizando a mensagem central de que os sonhos podem se tornar realidade. “Acho que quando a gente tira um pouco do peso das expectativas que a gente tem sobre querer que as coisas aconteçam no nosso tempo, é quando finalmente as coisas acontecem. Ela fica super atrás, investindo e tentando e ela só se frustra. Quando ela realmente fala que vai viver a vida e deixar as coisas acontecerem, é que se concretiza o grande sonho dela”, afirma Giulia.

“Acho que o contraste entre os finais distintos das duas personagens se transformam em uma mensagem importante, que é sobre a gente colocar o pé no chão, mas também nunca perder esse lado sonhador e romântico”, conta a roteirista. “Para mim, a série traz um pouco disso, eu sou assim. E acho bacana a gente também manter essa ingenuidade quando se trata de amor”, completa.

Cena musical

Além disso, o episódio traz um momento musical marcante, em que Mônica se une ao seu novo par romântico para interpretar uma música original e exclusiva, especialmente criada para a trilha sonora da série. A presença dos talentosos atores Giulia Nadruz e Felipe Assis Brasil, reconhecidos por suas destacadas performances no teatro musical, adiciona uma dose de emoção ao desfecho da série.

“Foi muito divertido poder trazer um pouco do meu trabalho como cantora para a série. Eu acho que combinou muito com o final da Mônica. Por mais que a série não seja musical, fazer essa inserção, essa brincadeira, resultou em uma cena super fofa e divertida”, completa Giulia.

Música inédita

A música intitulada “Meus 13 Anos”, foi composta a partir de um poema escrito por Fernanda e musicada por Carmem Sanches e Zeca Baptista. Essa música tem uma relação significativa com a história da personagem Márcia, que busca reencontrar o amor da infância.

Com o final emocionante e o toque musical, “Coaching do Amor” captura a essência de colocar os pés no chão e enfrentar a realidade, ao mesmo tempo em que mantém viva a ingenuidade e o romantismo quando se trata do amor. A série está disponível gratuitamente no YouTube, permitindo que vocês acompanhem cada detalhe das histórias de Bárbara Avelar e suas clientes.

UMA LINDA MULHER – O MUSICAL CHEGA AO BRASIL


Créditos: Pedro Dimitrow


Chega ao Brasil pela primeira vez uma das maiores produções do teatro musical: o espetáculo “Uma Linda Mulher – O Musical”. Baseado no icônico filme dos anos 90, a montagem ficará em cartaz no Teatro Santander, localizado no Complexo JK Iguatemi, em São Paulo, de 01 de setembro até 17 de dezembro deste ano.

O longa que inspirou o espetáculo foi lançado em 1990, com um elenco estrelado por Richard Gere e, a então iniciante, Julia Roberts, que recebeu o Globo de Ouro de Melhor Atriz em Comédia ou Musical, se tornando uma das maiores artistas do mundo por conta do sucesso do filme. Dirigido por Garry Marshall, com roteiro de J.F. Lawton e com uma trilha sonora memorável, incluindo a canção “Oh, Pretty Woman”, de Roy Orbison, o filme arrecadou no mundo todo mais de 463 milhões de dólares em bilheteria.

Os ingressos já estão à venda na internet (www.sympla.com.br) e pela bilheteria oficial do próprio Teatro Santander (sem taxa de conveniência – Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041). As apresentações ocorrem todas as quintas e sextas-feiras, às 20h; sábados e domingos às 16h e 20h.

“Uma Linda Mulher – O Musical” conta a história de Vivian Ward, uma prostituta de Hollywood, que é contratada por Edward Lewis, um empresário bem sucedido, para ser sua acompanhante durante uma semana. O que era para ser apenas um acordo comercial se transforma em uma história de amor inesperada.

A adaptação deste clássico do cinema para o teatro estreou em 2018, com Bryan Adams, o renomado cantor, compositor e produtor musical, assinando as músicas e letras, com seu parceiro de longa data, Jim Vallance. Natural do Canadá, Bryan é dono de uma carreira internacional sólida, conhecido por sua voz distinta e diversos hits memoráveis que embalaram gerações, como “Summer of ’69”, “Heaven” e “(Everything I Do) I Do It for You”. Sua música e talento artístico o solidificaram como um ícone da música e um dos artistas mais bem-sucedidos de sua geração.

Inicialmente em cartaz em Chicago, logo acabou sendo transferido para a Broadway, em Nova York. Depois de encerrar sua temporada na Broadway, o espetáculo seguiu para Hamburgo, na Alemanha, em 2019. Em 2020, chegou a vez de Londres receber o musical no West End, que teve que ser interrompido devido à pandemia, mas retornou aos palcos em 2021, com um enorme sucesso, onde continua em cartaz. No mesmo ano, embarcou em uma turnê pelos Estados Unidos, passando por 32 cidades. Além disso, Milão, na Itália, e Barcelona, na Espanha, também tiveram a oportunidade de receber a montagem. Agora, “Uma Linda Mulher – O Musical” estará em turnê por todo o Reino Unido e Irlanda, a partir de outubro de 2023.

No Brasil, o musical chega pela primeira vez no segundo semestre de 2023, com o papel de Edward Lewis sendo protagonizado por Jarbas Homem de Mello, que conta com diversos espetáculos em sua extensa trajetória no teatro. O ator, cantor e dançarino viverá o milionário que fará par romântico com Thais Piza, atriz com ampla carreira musical, que será a responsável por interpretar a icônica Vivian Ward, seu primeiro papel de protagonista em grandes musicais.

Além deles, o espetáculo conta com 23 atores consagrados do teatro musical: César Mello (Homem Feliz/Sr. Thompson), Andrezza Massei (Kit De Luca), Julio Assad (Phillip Stuckey/Edward Lewis Cover), Sérgio Rufino (Sr. James Morse), Arthur Berges (Giulio), Amanda Vicente (Ensemble/Scarlett Cover), Caru Truzzi (Ensemble/Violetta Cover), Daruã Góes (Violetta/Ensemble), Lia Canineu (Ensemble/Vivian Ward Cover), Luci Salutes (Scarlett/Ensemble), Mari Saraiva (Ensemble), Moira Osório (Swing), Nina Sato (Swing/Dance Captain), Vannessa Mello (Ensemble/Kit De Luca Cover), Abner Debret (Ensemble/Alfredo Cover), Bruno Albuquerque (Swing), Bruno Sigrist (Alfredo/Ensemble), Daniel Caldini (Swing), Eduardo Leão (Ensemble/Sr. James Morse Cover), Gui Leal (Homem Feliz Alternante/Sr. Thompson Alternante), Murilo Ohl (Ensemble/Giulio Cover), Pedro Navarro (Ensemble/Phillip Stuckey Cover) e Tiago Dias (Ensemble).

O elenco é ainda acompanhado por uma orquestra formada por 10 músicos, que tocam piano, guitarra, bateria, violino, viola, violoncelo, baixo e executam ao vivo toda a trilha sonora, incluindo a clássica “Pretty Woman”.

O espetáculo conta com texto de Garry Marshall & J. F. LawtonaMúsica e Letras de Bryan Adams & Jim Vallance, e é baseado no filme da Touchstone Pictures escrito por J. F. Lawton. A montagem brasileira conta com a direção artística de Fred HansonJorge de Godoy como diretor musical, Kátia Barros como coreógrafa e Stephanie Mayorkis como produtora geral.

SERVIÇO | UMA LINDA MULHER – O MUSICAL

Dia: A partir de 01 de setembro até 17 de dezembro (conferir no site todas as datas disponíveis)

Horários: Quintas-feiras, às 20h;

  Sextas-feiras, às 20h;

  Sábados, às 16h e 20h;

  Domingos, às 16h e 20h

Local: Teatro Santander

Endereço: Shopping JK Iguatemi – Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041

Classificação etária:Livre, menores de 12 anos acompanhados dos pais ou responsáveis legais.

QUINTAS, ÀS 20H | DOMINGOS, ÀS 20H:

FRISA BALCÃO: R$ 19,80 meia entrada e R$ 39,60 inteira

BALCÃO B: R$ 19,80 meia entrada e R$ 39,60 inteira

BALCÃO A: R$ 75,00 meia entrada e R$ 150,00 inteira

PLATEIA SUPERIOR: R$ 130,00 meia entrada e R$ 260,00 inteira

FRISA PLATEIA SUPERIOR: R$ 130,00 meia entrada e R$ 260,00 inteira

VIP: R$ 180,00 meia entrada e R$ 360,00 inteira

SEXTAS, ÀS 20H,| SÁBADOS, ÀS 16H E ÀS 20H |DOMINGO, ÀS 16H:

FRISA BALCÃO: R$ 19,80 meia entrada e R$ 39,60 inteira

BALCÃO B: R$ 19,80 meia entrada e R$ 39,60 inteira

BALCÃO A: R$ 85,00 meia entrada e R$ 170,00 inteira

PLATEIA SUPERIOR: R$ 140,00 meia entrada e R$ 280,00 inteira

FRISA PLATEIA SUPERIOR: R$ 140,00 meia entrada e R$ 280,00 inteira

VIP: R$ 190,00 meia entrada e R$ 380,00 inteira

*Clientes Santander têm 30% de desconto nos ingressos inteiros, limitados a 2 por CPF.

INGRESSOS

Internet (com taxa de conveniência):

https://www.sympla.com.br/

Bilheteria física (sem taxa de conveniência):

Teatro Santander

Horário de funcionamento: Todos os dias das 12h00 às 18h00. Em dias de espetáculos, a bilheteria permanece aberta até o início da apresentação. A bilheteria do Teatro Santander possui um totem de autoatendimento para compras de ingressos sem taxa de conveniência 24h por dia.

Endereço: Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041.

Descontos

50% DE DESCONTO | MEIA-ENTRADA: obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição de beneficiário.

30% DE DESCONTO | CLIENTE SANTANDER – Na compra de ingressos realizada por clientes Santander, limitado a 20% da lotação do teatro. Não cumulativo com meia­-entrada. Limitados a 02 (dois) ingressos por CPF. Esta compra deverá ser realizada com cartões do Banco Santander, para compras on-line somente o cartão de crédito Santander, compras na bilheteria e totem, o pagamento com o desconto poderá ser realizado em débito ou crédito. Verifique em qual setor o desconto está disponível. De acordo com o art. 38, inciso I, da Instrução Normativa nº 1, de 20/03/2017 e com base na Lei Federal nº 8.313 (Lei Rouanet) e Decreto nº 5.761, é proibido comercializar o produto cultural (ingressos) em condições diferentes para clientes Santander, das praticadas ao público em geral.

Venda a grupos:

Envie um e-mail para grupos-entretenimento@immbr.com

“Los Hermanos – Musical Pré-Fabricado” estreia em SP


Créditos: Divulgação


Episódico e surpreendente, o espetáculo, que fez sua estreia no Rio de Janeiro em 17 de março, no Teatro Casa Grande, não remonta o grupo em cena de forma convencional, vai além: revela histórias curiosas por trás das músicas dos Los Hermanos que nunca antes foram contadas. “Eu conversei com o Amarante, por exemplo, e ele relembrou coisas do momento de composições, inspirações. São coisas que a gente não sabia. Então, só quem vier ao espetáculo… (risos). É uma peça para ser apreciada não só por fãs porque é um espetáculo teatral a partir de uma obra musical, uma grande obra musical”, diz Michel Melamed.

Assim, “Sentimental”, “Morena”, “Casa Pré-Fabricada”, “Veja Bem Meu Bem”, “A Flor” e “Conversa de Bota Batidas”, entre outras, ocupam o palco e dialogam com outras épocas e obras da cultura pop, apresentando desde o nascimento dessas canções até sua execução, passando por situações cotidianas e até inimagináveis.

O que justifica o espetáculo é a obra deles rica, profunda, atemporal. Ela permite múltiplas interpretações. Um clássico, como Shakespeare, por exemplo, é remontado pois permite infinitas abordagens, tem diversas camadas. Por isso também o nosso espetáculo não se refere apenas a quatro caras do fim dos anos 90 do Rio. Pode estar no passado, no futuro, em outros lugares. E nosso elenco é assim, formado por todo tipo de gente maravilhosa: pretos, brancos, LGBTQIAP+… A obra deles está viva hoje, dialogando com o presente“, diz o autor e diretor.

Esse mosaico criado por Melamed funciona justamente sem tempo nem espaço, reunindo a poesia das letras da banda e também rock, comédia e drama. A montagem se desenrola em quatro grandes cubos brancos no palco. “Curiosamente, nos últimos projetos, quando sento para escrever, o cenário tem nascido junto, seja no teatro ou na TV. Comecei a trabalhar com as formas geométricas e então a ideia das molduras de Led com cada cor tendo um significado. Atrás dos cubos, totens com os mais diversos refletores. A luz é um objeto cênico, escultórico, não existe apenas para iluminar o ator, assim como acontece nos shows de música.

Grande homenagem ao grupo Los Hermanos, o espetáculo exalta não só o cancioneiro do grupo, mas a legião de fãs que os cultuam até hoje. “Os Los Hermanos são importantes porque a obra deles é importante“, define Melamed.

O que levou Felipe Argollo e Paula Rollo a produzirem o musical foi um grande desejo de homenagear a banda e os fãs, uma montagem de fã para fã. “E para isso, alguns pilares foram necessários: um diretor e roteirista que adorasse tanto quanto nós a obra dos Los Hermanos, e que tivesse uma linguagem estética primorosa e soubesse colocar em cena a catarse que sentimos nos shows do Maracanã e do Anhembi. Diretores musicais que conhecessem a importante trajetória criativa de cada disco da banda e tudo o que os quatro álbuns revelam”, explicam os produtores.

E, por fim, como dois produtores de teatro musical, queríamos levar ao palco um espetáculo que chegasse a todos os públicos, do fã da banda, ao fã do gênero musical, do fã de teatro, ao fã de música, até ao novo espectador, àquele que temos a honra de arrebatar com a arte! Consideramos que fomos felizes em todas as nossas bases de sustentação, pois ‘Los Hermanos – Musical Pré-Fabricado’ é divertido, inteligente, criativo, moderno, energético!”, concluem os idealizadores.

Serviço
Los Hermanos – Musical Pré-Fabricado
Teatro Liberdade: R. São Joaquim, 129, São Paulo
Quinta e Sexta, às 21h. Sábado, às 16h e às 21h. Domingo, às 19h.

13 de Maio a 25 de Junho.

Duração: 140 minutos (com intervalo de 15 minutos).
Classificação Indicativa: 14 anos (menores de 18 anos devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis).
Ingressos: Balcão A e B (R$ 75), plateia (R$ 200) e plateia VIP (R$ 220).
https://bileto.sympla.com.br/event/80610/d/182204