Confira entrevista exclusiva com a violinista Tara McNeill do Celtic Woman


Créditos: Divulgação


O quarteto feminino irlandês Celtic Woman  desembarca no Brasil, no final do mês, para uma série de shows. O grupo virá ao país  para apresentar o novo show – Ancient Land – no Rio de Janeiro (Theatro Municipal) nos dias 17 e 18 de agosto, em Curitiba (Teatro Guaíra) nos dias 22 e 23 de agosto e em São Paulo (Credicard Hall) nos dias 24 e 25 de agosto de 2019.

O Celtic Woman é formado pelas jovens cantoras Mairéad Carlin, Éabha McMahon, Megan Walsh e por Tara McNeill, que com seus talentos dão nova roupagem a séculos de tradição musical e cultural Irlandesas, uma das mais ricas do mundo.

O show é baseado no mais recente trabalho do grupo, “Ancient Land” (2018), o primeiro trabalho de estúdio de músicas novas desde “Destiny” (que saiu em 2016 e foi indicado ao Grammy), foi gravado no famoso Real World Studios, no Reino Unido, de propriedade do astro do rock Peter Gabriel.

Créditos: Divulgação

A virtuosa violinista Tara McNeill concedeu entrevista exclusiva ao AC no qual revelou curiosidades e detalhes da turnê que aterrissa no Brasil, logo menos. Confira:

Acesso Cultural: Como surgiu o grupo “Celtic Woman”? Como é para vocês levar a música celta e irlandesa rejuvenescida aos quatro cantos do mundo?

Tara McNeill: O Celtic Woman foi formado em uma noite de inverno no ano de 2004, com a finalidade de criar uma plataforma em que as mulheres irlandesas pudessem cantar e fazer um show diferente. Esta foi a principal ideia. Temos muito orgulho em poder compartilhar o idioma, as músicas, toda esta história da música celta, irlandesa, podemos dizer que para nós, é como um tapete valioso, um tesouro, que temos e compartilhamos, transmitindo muito amor e carinho através de nossas canções. Por ser uma língua universal, podemos ir à China, ao Brasil, Estados Unidos e em todos os cantos do mundo, compartilhando toda nossa cultura.

Créditos: Divulgação

AC: Em quase 15 anos de carreira e com mais de 10 milhões de álbuns vendidos, existe algo que desejem realizar e que ainda não concretizou? Algum feat ou local que almejam se apresentar? Algum sonho que ainda não foi realizado?

TM: Desejamos ganhar um Grammy Awards ( lembrando que o grupo já foi nominado) e vir para o Brasil que é um sonho que já estou realizando. Quanto ao feat, desejo me apresentar com Isaac Burman e Mark O’Connor, meus violonistas preferidos. Quanto à sonho? O primeiro realizado foi fazer parte do ‘Celtic Woman’ e estou vivendo este sonho, isto foi o que sempre quis, ter a oportunidade em tocar com mulheres maravilhosas e me apresentando ao redor do mundo.

AC: Este mês vocês desembarcam no Brasil com a turnê “Ancient Land”. O que o público brasileiro pode aguardar da turnê”?

TM: Será um show muito especial e o público fará uma viagem, sendo transportado com a nossa música para um lugar de paz e beleza, como se estivessem na Irlanda, com a utilização de instrumentos típicos como a gaita de fole e será uma experiência única, em uma viagem pelo mundo celta.

Para maiores informações sobre os shows e ingressos, acesse http://www.poladian.com.br. Confira uma prévia do que vem por aí:

Andréia Bueno

Andréia Bueno

Apaixonada pelas artes em geral, ama registrar cada instante, seja no trabalho ou durante viagens. Já realizou entrevistas com artistas nacionais e internacionais para o Acesso Cultural. Adora conhecer novos lugares e culturas, tendo viajado por 14 países entre o continente europeu, africano e americano.

Facebook Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *