TEA e pandemia: mãe que tirou sintomas de filho com Espectro do Autismo


Créditos: Divulgação


Uma a cada 54 crianças possui Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), de acordo com dados de 2020 do Centro de Controle de Doenças e Prevenção do governo dos EUA (CDC), usados como base no Brasil. Karine Koerich Busch Lobe, 43, mais conhecida como Kaká do Autistólogos, não poderia imaginar que seu filho Matheus, um carismático bebê de covinhas, então com 1 ano e 9 meses, pudesse estar neste grupo. Ela também não tinha ideia que o medo e o pavor sentidos diante do diagnóstico se transformariam em seu propósito: ajudar a melhorar a qualidade de vida das pessoas com TEA e seus familiares no Brasil.

Divulgando informações científicas de especialistas renomados no assunto no Brasil e nos EUA – que se tornaram seus parceiros – e compartilhando as suas vivências, Kaká se tornou referência. Com a pandemia, a autora do livro de ficção “Propósito Azul: uma história sobre autismo“, faz um alerta e dá caminhos para que o desenvolvimento das crianças com TEA não seja prejudicado:

Neste período crianças com autismo acabaram ficando sem tratamento e isso é gravíssimo, pois quanto antes agirmos, melhores são os resultados. Amanhã o cérebro da criança não terá a mesma capacidade de hoje de aprender, portanto, a falta dos estímulos adequados pode afetar o futuro. Com o Matheus, no início, eu mesma aplicava as terapias, com o programa criado pela mestre em ABA – Análise do comportamento aplicada (Applied behavior analysis), Mayra Gaiato, que me ensinava o que fazer e como fazer, e que monitorava o tratamento. Aliás, essa é a recomendação da Organização Mundial de Saúde: a terapia comportamental (ABA) e o treinamento de pai“, conta Kaká.

O livro conta a história fictícia de Rafaela, mãe de Felipe, e sua busca por tratamento e qualidade de vida para o menino. Baseado em experiências vividas por famílias de crianças com TEA, o livro intercala dados científicos e explicações de um time de referência nacional e internacional de especialistas da área, mostrando o passo a passo dos tratamentos e etapas do desenvolvimento.

Escrito de forma acessível em formato de best-sellers de administração, o livro prende o leitor facilmente para atingir o objetivo de levar informação, sem deixar de lado o enredo da vida de Rafaela.

Com prefácio de Marcos Mion e de Mayara Gaiato – uma das mais respeitadas especialistas no Brasil – e com a colaboração de mais nove profissionais de ponta, toda a renda de “Propósito Azul – uma história sobre autismo” é revertida para a causa.

Andréia Bueno

Andréia Bueno

Apaixonada pelas artes em geral, ama registrar cada instante, seja no trabalho ou durante viagens. Já realizou entrevistas com artistas nacionais e internacionais para o Acesso Cultural. Adora conhecer novos lugares e culturas, tendo viajado por 14 países entre o continente europeu, africano e americano.

Facebook Instagram

Deixe uma resposta