Livro sobre autismo ganha selo de best-seller


Créditos: Divulgação


Em menos de 30 dias após seu lançamento, a obra “Compreender e Acolher – Transtorno do Espectro Autista na Infância e na Adolescência”, da neuropediatra Deborah Kerches esgotou nas prateleiras físicas e digitais e obteve o selo de best-seller.

Lançada no dia 2 de abril, Dia Mundial de Conscientização do Autismo, pela Literare Books International, a obra apresenta o espectro autista de uma forma lúdica e empática. Seu conteúdo é voltado a crianças, adolescentes e adultos, para que todos possam se informar e conscientizar sobre o espectro autista, possibilitando o reconhecimento dos sinais precoces e a construção de uma sociedade inclusiva.

Ler e partilhar livros pode ajudar não somente na leitura, como também nas habilidades sociais e na conscientização de importantes temas como o TEA (Transtorno do Espectro Autista), auxiliando de forma lúdica e informativa até mesmo para um efetivo combate ao preconceito, visando promover a garantia de direitos e inclusão social.

O livro, que segue esse foco social, é fruto de muito trabalho clínico e pesquisa da autora, além do diálogo constante que a neuropediatra mantém com outros profissionais que atuam com o TEA. “Uma sociedade consciente acolhe, respeita e contribui para a evolução de uma pessoa com TEA”, afirma Deborah, que complementa: “entender o que é o espectro autista e saber reconhecer seus sinais é o verdadeiro caminho para proporcionar diagnósticos e intervenções mais precoces, que serão determinantes para o desenvolvimento e qualidade de vida da pessoa com autismo”.

“Compreender e Acolher” foi publicado no formato vira-vira para atingir diferentes públicos e tornar a leitura mais interessante em família. De um lado consta informações referentes ao TEA na infância, seguidas de uma história em quadrinhos direcionada ao público infantil. Do outro, considerações relevantes sobre o TEA na adolescência e uma nova história em quadrinhos direcionada a adolescentes e jovens.

Andréia Bueno

Andréia Bueno

Apaixonada pelas artes em geral, ama registrar cada instante, seja no trabalho ou durante viagens. Já realizou entrevistas com artistas nacionais e internacionais para o Acesso Cultural. Adora conhecer novos lugares e culturas, tendo viajado por 14 países entre o continente europeu, africano e americano.

Facebook Instagram

Deixe uma resposta