Primeiro espetáculo infantil da Focus Cia. de Dança, Bichos Dançantes, faz duas sessões no Teatro Alfa


Créditos: Manu Tasca


Com direção, texto, concepção e coreografia de Alex Neoral, o espetáculo Bichos Dançantes, primeira obra infantil da Focus Cia. de Dança (RJ), chega a São Paulo para duas apresentações no Teatro Alfa por meio do patrocínio da Petrobras através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, nos dias 7 e 8 de maio, sábado e domingo, às 16h. O trabalho, que estreou em setembro no Rio de Janeiro, conta com vozes de grandes artistas, como Reynaldo Gianechini, Lucinha Lins, Evelyn Castro, Gabriel Leone, José Loreto e Mateus Solano, entre outros. Além dos espetáculos, a companhia realizará o Projeto Escola com atividades gratuitas para os alunos do EMEI Geloira de Campos.

A criação de um espetáculo direcionado ao público infantil era desejo antigo de Alex Neoral, diretor artístico e coreógrafo da Focus Cia de Dança. E assim, através da Chamada Petrobras Cultural de Artes Cênicas para Crianças, como mais um desafio cumprido com excelência pela companhia, nasceu Bichos Dançantes, com o intuito de reforçar o comprometimento com a comunicação e um maior acesso de todos à arte.

Este trabalho é um convite ao entretenimento para crianças de todas as idades, de 0 a 100 anos, e é também uma oportunidade de compartilharem um momento lúdico e de aprendizado através da arte e da dança.

O espetáculo narra a história da jabuti Elisa, que completa 100 anos e, cansada do tradicional “parabéns a você”, convida oito bichos para comemorarem com ela essa data tão importante, mas não por acaso – esses bichos têm um desejo em comum: todos querem ser felizes. Com alguma experiência que acumulou durante tantos anos, Elisa propõe desafios e uma grande aventura para que eles encontrem, juntos, a felicidade.

Créditos: Manu Tasca

O texto é de autoria do próprio Neoral e virou livro pela editora Cobogó. As vozes dos personagens aparecem em off dubladas por grandes artistas brasileiros. São eles: Lucinha Lins (Elisa, a jabuti aniversariante), Reynaldo Gianecchini (Lauro, o coelho sabichão), José Loreto (Dalton, o cavalo destemido), Mateus Solano (Felício, o macaco astuto), Juliana Alves (Shirley, a bailarina cisne), Fernanda Abreu (Vitória, a água-viva descolada), Gabriel Leone (Paixão, o peixe apaixonado), Evelyn Castro (Janair, a barata carente), Tânia Alves (Suely, a coruja protetora), Bianca Byington (Esperança, a inocente esperança), Vilma Melo (Cordélia, a galinha maternal), Jefferson Schroeder (Alberto, o cão inquieto), Paula Raia (Tuim, o passarinho cantante) e Pedro Lima (Vento, o poderoso vento). Essas potentes vozes são interpretadas pelos corpos dos bailarinos da Focus Cia de Dança, que dão vida a esses personagens, formado por Carolina de Sá, Cosme Gregory, José Villaça, Marina Teixeira, Monise Marques, Roberta Bussoni, Vitor Hamamoto e Wesley Tavares.

Alex Neoral conta que tem expectativas muito positivas para esse universo que se abriu na Focus. “Fico lisonjeado por poder estar contribuindo para a formação de meu país, a base: as crianças. Ali posso estar fomentando plateias, e convidando as pessoas a terem mais acesso a arte. Quando o espetáculo vira um livro, além do teatro, também incentivamos a leitura”, conta o artista.

As músicas são compostas pela dupla TUIM, Felipe Habib e Paula Raia, com letras e arranjos todos originais, criados especialmente para o projeto. As canções e a trilha incidental complementam a narrativa, que mistura humor, alegria, questionamentos e muita diversão.

Sobre os figurinos e visagimo, Alex Neoral explica: “Buscamos nos figurinos e no visagismo algo que siga a linha das obras da Cia, mesmo entrando nesse universo infantil. Não queria algo óbvio e caricato. A busca foi algo mesmo que direto e identificável, ter uma leitura contemporânea e sofisticada. Conseguimos! Através do olhar da figurinista Ursula Félix e do visagista Daniel Reggio, as crianças e adultos conseguem ler os animais no palco, porém sem ser primário na concepção e sim abusando da criatividade e da beleza visual”.

Neoral conta que, ao pensar em criar um espetáculo infantil, queria criar algo que também tocasse os adultos, com mensagens que possam ser apreendidas de formas diferentes em momentos distintos. Ao lançar o livro, teve a ideia de sugerir aos bailarinos que dançassem o texto com o apoio de grandes atores que dariam vozes a esses corpos. “Uni a competência dos bailarinos da Focus com a excelência de 14 atores estelares que compraram a ideia com muito entusiasmo”, conclui.

Compromisso com a Educação

A Cia irá se apresentar em mais de 10 cidades do país com a consciência da importância e relevância da educação e da cultura para a formação das crianças. Sendo assim, parte importante do nosso planejamento será constituído de oficinas e apresentações em escolas públicas em algumas cidades por onde o espetáculo. As apresentações são uma maneira de proporcionar atividades lúdicas através da dança para crianças, permitindo uma nova leitura do espetáculo.

Serviço
Bichos Dançantes | Focus Cia de Dança
Temporada: 7 e 8 de maio de 2022. Sábado e domingo, 16h
Local: Teatro Alfa | R. Bento Branco de Andrade Filho, 722 – Santo Amaro
Duração: 70 minutos
Classificação: Livre
Ingressos: R$ 40,00 e R$ 20,00 (meia-entrada)
Vendas pelo site da Sympla

COLABORADORES PETROBRAS – Desconto de 50% na compra de até dois ingressos mediante apresentação do crachá.

Rodrigo Bueno

Rodrigo Bueno

Fotógrafo formado pela Escola de Fotografia Foto Conceito, já cobriu cerca de 2 mil shows nacionais e internacionais, além de eventos exclusivos como coletivas de imprensa e pré-estreias. Também é Executivo de Negócios, Jornalista, Web Design, Criador e editor de conteúdo de redes sociais.

Facebook Instagram

Deixe uma resposta